Informática: atenção aos novos assuntos do programa

19 DE JANEIRO DE 2016

Informática: atenção aos novos assuntos do programa.

Com provas em maio, os candidatos a uma das 800 vagas do concurso para técnico do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) devem aumentar o rítmo da preparação. Dentro do conteúdo de Conhecimentos Básicos, Informática é um das disciplinas que serão cobradas. Em entrevista à FOLHA DIRIGIDA, o professor Luciano Antunes, dos cursos Academia do Concurso, Degrau Cultural, Cejuris e IMP-RIO, chamou a atenção dos concorrentes para a inclusão de alguns assuntos no programa do concurso, comparado com o anterior. 
 

“Os tópicos principais que foram atualizados e que os candidatos precisam ter mais atenção são a diferença entre o Windows 7 e 10, Segurança da Informação, a ideia de teclas de atalho e LibreOffice 4.X (Calc/Writer/Impress)”, destacou. Apesar da necessidade de os candidatos ficarem atentos a essas inclusões, o especialista disse que o conteúdo anterior não sofreu muitas alterações. “O novo programa apenas direcionou para alguns pontos. Ele foi quase todo mantido”, completou. 

O professor Luciano Antunes acredita que serão reservadas de sete a dez questões para Informática. Independentemente do quantitativo, ele destaca que o mais importante é ficar atento ao tempo de resolução de cada questão. “O grande problema é se o aluno não dominar o conteúdo programático. Meu conselho é dominar as disciplinas elementares, para gastar mais tempo fazendo as matérias Específicas e de Matemática. O tempo médio para cada questão é de um minuto e quarenta e cinco segundos”, ressalta. 
 

O fato de o Cespe (organizador) realizar a prova no sistema “certo ou errado”, e não no de múltipla escolha, deve ser encarado com naturalidade, sem medo ou receios. “Os candidatos que já estão acostumados a resolver esse tipo de exame, estão familiarizados com o modelo e não se assustam. A prática de exercícios é fundamental” afirma.  
 

Ainda sobre o estilo da banca, o professor afirma que o Cespe não costuma fazer pegadinhas. O que ele observa é a dificuldade do aluno em interpretar o que é pedido. “A organizadora valoriza muito a ideia do verbo, interjeções e etc. Pode prejudicar ter o conteúdo na mente, mas não ter boa interpretação. A diferença entre o verbo ‘ser’ e ‘estar’ é um bom exemplo”, apontou.

FONTE: Folha Dirigida.

Outras
Notícias

Cuidados Nutricionais em Doenças Renais e Hepáticas - EADCuidados Nutricionais em Doenças Renais e Hepáticas - EAD
Você sabia que um elevado percentual dos nutricionistas tem dificuldade em trabalhar com pacientes com problemas renais e/ou hepáticos?
Farmacologia do Sistema DigestórioFarmacologia do Sistema Digestório
Oportunidade para estudantes e profissionais da saúde se atualizarem nos aspectos relacionados ao tratamento das principais patologias do trato gastrointestinal.
Nutrição Clínica - CONFIRMADANutrição Clínica - CONFIRMADA
A melhor pós em nutrição clínica da região, com sua sexta turma confirmada.
Capacitação em FarmacologiaCapacitação em Farmacologia
Uma super equipe, em um super curso de capacitação em farmacologia.
Curso de Rotulagem Nutricional de Alimentos - Turma MacaéCurso de Rotulagem Nutricional de Alimentos - Turma Macaé
Alô Macaé. O curso que vocês esperavam. Uma das melhores profissionais em UAN, em um super curso de Rotulagem Nutricional de Alimentos.
Curso de Cuidado Nutricional na Cirurgia BariátricaCurso de Cuidado Nutricional na Cirurgia Bariátrica
Atendendo a pedidos. O curso que irá trabalhar todo o passo a passo, das estratégias nutricionais que devem ser realizadas em pacientes bariátricos.
Curso de Nutrição OffshoreCurso de Nutrição Offshore
Aprenda as rotinas e atividades inerentes à área offshore, e saiba como realizá-las.
Curso de Gestão de Qualidade, Acreditação e Segurança do paciente.Curso de Gestão de Qualidade, Acreditação e Segurança do paciente.
Entenda sobre os meios de organização de uma instituição de saúde e participe de auditorias internas com foco nos sistemas de gestão de qualidade hospitalar.
1

Dúvidas? Chame no WhatsApp